Uncategorized

Einstein na praia e os Balcãs aqui ao lado

1 einstein on the beachO espectador menos atento pode ainda não ter reparado no cartaz internacional de artes da região vizinha, em exibição até ao final de Março. As propostas dos palcos de Hong Kong incluem uma ópera de Phillip Glass e Goran Bregovic, o homem que deu música a Emir Kusturica.

“Einstein on the Beach” é um dos pontos altos do cartaz do Festival de Artes de Hong Kong, que corre na região vizinha até ao final de Março. Trata-se da estreia asiática da peça inaugural da trilogia operática de Phillip Glass, compositor norte-americano que, com o encenador e produtor Robert Wilson, revolucionou os modelos do espectáculo dramático – há perto de quatro décadas – tendo o autor da teoria da relatividade como objecto.

A ópera – com quatro horas e meia de duração e sem intervalo, note-se – é apresentada dentro de menos de um mês (a 8, 9 e 10 de Março) no grande auditório do Centro Cultural de Hong Kong, em Tsim Sha Tsui, com os bilhetes em risco de esgotarem rapidamente.

O espectador menos avisado poderá perder a oportunidade, anunciada como histórica, de assistir a “Einstein on the Beach” e não apenas ouvir falar da peça. Nesse caso, há outros destaques a aproveitar, consaante gostos particulares, num roteiro a não desprezar.

“Champagne for Gypsies” aproveita aos amantes dos ritmos balcânicos e de festa. Goran Bregovic, autor de alguns dos principais temas das bandas sonoras de filmes de Emir Kusturica como “Underground”, e a sua  Weddings and Funerals Orchestra actuam na região vizinha nos dias 23 e 24 de Março.

Entre o jazz e a pop, Esperanza Spalding, contrabaixista norte-americana e cantora, é outra das propostas musicais do festival. Aquela que foi a única artista de jazz a ganhar um Grammy como melhor revelação actua nos dias 15 e 16 de Março acompanhada de uma big band.

O maior destaque da organização do festival vai no entanto para o teatro com a adaptação do romance “Green Snake” do escritor de Hong Kong Li Bihua pela companhia do Teatro Nacional da China. A peça, tal como o romance, é inspirada na lenda clássica sobre uma paixão entre imortais e imortais, que no fim a todos condena. Uma proposta sugestiva para o ano da serpente, a correr entre os dias 21 e 24 de Março.

O teatro infantil também merece destaque com “The Animals and Children Took to the Streets”, peça trazida pela companhia britânica 1927 à região vizinha. A história, acompanhada de animações e música, é levada ao palco entre os dias 21 e 24 de Fevereiro.

O American Ballet Theatre é ainda uma das principais propostas na área da dança, interpretando Romeu e Julieta entre os dias 27 de Fevereiro e 3 de Março.

O programa de dança inclui ainda a Asia Pacific Dance Platform, apresentando trabalhos de coreógrafos e bailarinos de Israel, Taiwan e do China Continental. Para ver entre os dias 16 e 17 de Março, na sala de ensaios do Kwai Tsing Theatre.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s