Notícias

Livros de Macau nas ruas de Lisboa

14908200_1529783883705748_38241387559114555_nDepois de uma apresentação ao público de Macau, em Março, e de algumas sessões em torno dos livros e da leitura, a Associação Amigos do Livro prossegue as suas actividades em Lisboa com a organização do Fórum do Livro de Macau.

Passava pouco das seis da tarde em Lisboa, num dia de chuva, trânsito e transportes pouco funcionais, quando o auditório do Centro Científico e Cultural de Macau abriu as portas para acolher o público da primeira sessão do Fórum do Livro de Macau. Foi na passada segunda-feira que a programação destes dias organizados pela Associação Amigos do Livro fez a sua estreia em Portugal e apesar de o tema ser pouco falado deste lado do mundo, Macau conseguiu reunir algumas dezenas de pessoas dispostas a ouvir falar sobre livros do século XVI e XVII e sobre o delta do Rio das Pérolas como espaço literário.

No dia seguinte, uma mesa redonda dedicada aos livros sobre Macau publicados em Portugal juntou Maria Helena do Carmo, Fernando Sobral e José António Barreiros, moderados por Margarida Duarte. Os romances Bambu Quebrado, de Maria Helena do Carmo, e O Segredo do Hidroavião, de Fernando Sobral estiveram no centro da conversa, cruzando o assassinato do governador Ferreira do Amaral com as histórias de contrabando durante a Guerra do Ópio e outros episódios marcantes de Macau que serviram de matéria prima aos dois autores. José António Barreiros, também editor, centrou a sua intervenção nas dificuldades de manter uma editora em funcionamento num mercado com pouco espaço para livros menos apelativos comercialmente.

No espaço da Delegação Económica e Comercial de Macau, uma feira do livro ocupa alguns escaparates da livraria. As edições da Livros do Oriente têm descontos assinaláveis, mas os livros de outras editoras não deixam de estar presentes, nomeadamente aqueles que são da autoria dos convidados presentes no Fórum. É uma oportunidade para encontrar inúmeros títulos habitualmente inexistentes nas livrarias portuguesas, um dos problemas apontados por Rogério Beltrão Coelho para a divulgação da literatura e da cultura de Macau em Portugal. Ao Parágrafo, o jornalista e um dos organizadores deste Fórum explicou que “a Associação Amigos do Livro quer que os livros de Macau conheçam um mercado mais abrangente do que aquele que têm. Por outro lado, também queremos trazer a Portugal uma ideia do que se produz e do que já se fez, da história da literatura em Macau, porque há um desconhecimento muito grande sobre isso.” Para tentar contrariar esse desconhecimento, a Associação Amigos do Livro tem algumas ideias que pode ser desenvolvidas neste fórum: “Estamos a tentar arranjar uma forma de distribuição, mesmo que selectiva, do que se publica em Macau junto de uma cadeia livreira portuguesa. Por outro lado, é intenção da associação ela própria conhecer o que se publica em chinês em Macau, para que se traduza para português, quer em Macau, quer noutros espaços. É preciso conhecer o que se publica e perceber qual o nível de qualidade, para depois podermos tentar que algumas editoras em Portugal se interessem por traduzir e editar. Mas isso pressupõe uma coisa pela qual luto há muito tempo que é a criação de uma bolsa de tradução. E para isso é preciso que haja compreensão e diálogo, nomeadamente em Macau, onde nem sempre se percebe a importância destas coisas.”

À data do fecho desta edição, ainda havia muito programa para cumprir neste Fórum do Livro de Macau. Logo à tarde, Ana Paula Laborinho fará a apresentação de um novo livro de Carlos Morais José, o romance O Arquivo das Confissões – Bernardo Vasques e a Inveja, editado pela Livros do Oriente. Ao longo do fim de semana, os lisboetas poderão ouvir Han Lili falar sobre a moderna literatura chinesa de Macau e assistir a uma sessão coordenada por Fernando Sales Lopes e dedicada à poesia de Macau, que incluirá uma evocação de Camilo Pessanha. O Fórum encerra na próxima semana, com uma sessão dedicada à escritora Maria Ondina Braga.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s